Faq


Como funciona a cobrança de imposto?

R= Todas as encomendas importadas estão sujeitas ao controle/fiscalização da Receita Federal do Brasil (RFB) . Uma vez que a mercadoria é tributada pela RFB, será emitida uma NTS, referente ao Imposto de Importação. A NTS e a encomenda serão encaminhadas à agência dos Correios mais próxima do domicílio do destinatário/importador, onde será realizado o recolhimento do tributo e pagamento do Despacho Postal no valor de R$12,00. - Remessas destinadas a pessoa físicas com valor aduaneiro de até US$ 500,00 (quinhentos dólares americanos), ainda que recebidas a título gratuito, serão desembaraçados mediante o pagamento do Imposto de Importação lançado na Nota de Tributação Simplificada (NTS), com aplicação da alíquota única de 60% sobre o valor aduaneiro. - Acima de US$ 500 até US$ 3000, alé de 60% existe a taxa de ICMS cobrada que varia dependendo o estado e taxa do correio em torno de R$250,00. - O valor aduaneiro, sobre o qual incidirá o imposto, será a soma do valor dos bens integrantes da remessa postal, acrescida do custo de transporte (tarifa postal), bem como do seguro relativo a esse transporte (seguro postal, se houver). - Encomendas enviadas des pessoa física para pessoa física com valor aduaneiro igual ou inferior a US$ 50.00 (cinquenta dólares americanos) serão isentas de imposto. Obs. As encomendas são sujeitas a controle e poderão ser ou não tributadas... -Valores não cobrados pelo site, Informações basadas sobre a fonte Receita Federal. Os valores mencionados poderão ser atualizados pela receita federal e não serem atualizados em tempo hábil no site.


Quais produtos são proibidos? 

R= Será terminantemente proibido o envio para o Brasil de produtos inflamáveis- perfumes, sprays, esmaltes, alimentos perecíveis, substâncias controladas, drogas, armas e produtos de joalheria. Veja na página serviços/ link do correio com mais detalhes. 


Qual a certeza que os produtos chegarão em ordem e sem serem taxados?

R= Nenhuma. Nossa responsabilidade é receber suas compras, organizá-las e enviá-las para o Brasil. Após expedição e fornecimento do código de rastreamento, não possuímos nenhum controle. Quanto aos impostos, se enviado por correio, você poderá ser ou não taxado. Por empresa particular os impostos são cobrados antes. Importante: Em base ao histórico dos nossos clientes, informamos que as caixas chegam sempre lacradas, em ordem e muitas compras não são taxadas. Principalmente para pequenos pacotes de até 3 quilos.


Posso comprar eletrônicos para enviar para o Brasil? Quais produtos valem a pena?

R= Sim, mas provavelmente você será taxado no Brasil. Faça contas para ver se vale a pena! Sugestão de compras: Roupas, tênis, sapatos, bolsas, cosméticos, acessórios, artigos de casa, artigos esportivos, livros, brinquedos, enxoval de bebê,etc. 


Como faço o pagamento dos serviços e do frete?

R= As compras são pagas diretamente para o vendedor através do cartão de crédito. O valor do serviço e frete, são pagos através de Op Westnerunion. Não possuímos outra forma de recebimento. 


Em quanto tempo vocês fazem a expedição do produto para o Brasil?

R= Após identificarmos o pagamento dos serviços ( em até 48 horas), concluímos a expedição, em até 2 dias úteis, você receberá nosso e-mail com o comprovante de envio e código de rastreamento.A compra chegará no Brasil no prazo determinado, em base a opção de frete escolhida. 


Como não pagar impostos comprando no exterior?

R= Legalmente temos que pagar os impostos, seja quando viajamos... seja quando compramos pela internet. Todos os produtos na alfândega são passíveis de taxação. O que acontece é que, algumas vezes, somos taxados e outras vezes, não. Ressaltamos algumas práticas (legais), que favorecem a não taxação .

  1. Emitente PF - isento até 50 dólares. O envio é realizado em nome de Marta Peres e declarado como presente . 
  2. Trocamos as caixas comerciais por caixas sem logo. 
  3. Tiramos etiquetas e preços. 
  4. Avaliamos se vale a pena diminuir as caixas para um frete único ou dependendo do valor da compra, se dividir em caixas para minimizar a taxação.
  5. Declaramos o produto de forma genérica. 
  6. Os produtos que passam na alfândega com origem da Europa, são menos visados que dos Estados Unidos e China.